• Pesquisar:

Menu superior







Santa Catarina terá comitê de prevenção de acidentes

(Publicado no portal ORS – O Regional Sul, 14/03/2013)

Florianópolis - O Estado de Santa Catarina terá um comitê para prevenção de acidentes de trânsito. O anúncio foi feito no dia 7, pelo secretário da Infraestrutura, Valdir Cobalchini, durante evento na sede da Polícia Rodoviária Estadual (PRE) quando recebeu o ranking dos acidentes em rodovias estaduais em 2012. Cobalchini e o comandante da PRE, tenente-coronel Norberto de Souza Filho, assinaram a exposição de motivos solicitando ao governador Raimundo Colombo que faça um decreto criando o comitê.

De acordo com o secretário, o objetivo do comitê é propor políticas e ações que visem a redução de acidentes de trânsito nas rodovias de Santa Catarina. “Com esse comitê, não teremos mais ações isoladas para a redução de acidentes de trânsito, e sim ações de Governo”, explicou Cobalchini, acrescentando que devem fazer parte do comitê, além da Infraestrutura, o Departamento Estadual de Infraestrutura - Deinfra, Polícia Rodoviária, Departamento Estadual de Trânsito e Segurança Viária - Detran, secretarias da Saúde eEducação e instituições provadas ligadas ao trânsito.

Cobalchini justificou que Santa Catarina é o segundo estado no Brasil onde mais ocorrem mortes por acidentes de trânsito. Só nas rodovias estaduais, em 2012, foram 355 mortes no ato do acidente. “A ONU definiu os anos de 2011 a 2020 como a Década de Ação pela Segurança do Trânsito, com o objetivo de nestes dez anos reduzir em 50% o total de acidentes de trânsito no mundo”, exemplificou.

De acordo com o secretário Cobalchini, o governador Raimundo Colombo autorizou obras de infraestrutura na maioria das rodovias que apresentaram altos índices de acidente. “Temos obras iniciando em todas as regiões do Estado, com eliminação de pontos críticos e aumento da capacidade de tráfego, mas precisamos de ações que vão além da infraestrutura, e isso será proposto por esse comitê”, finalizou.

Ranking - O ranking divulgado pela PRE mostrou que rodovias que receberam investimentos em infraestrutura tiveram redução no número de acidentes. A SC-401, por exemplo, após a sua duplicação, apresentou uma queda no número de acidentes. Em 2011 ocorreram 246 acidentes com vítimas na SC-401. Em 2012, o número caiu para apenas 165, em uma redução de 32,93%. Os acidentes sem vítima tiveram uma queda de 19,19%. Ocorreram 615 em 2011 e 497 em 2012. O número de feridos em 2011 foi 317, em 2012 caiu para 207, com uma redução de 34,7%%. Já o número de mortos teve uma queda de 40%. Foram 15 mortes em 2011 e 9 em 2012.

palavras-chave: prevenção, acidente, trânsito, SC, Santa Catarina